¡Adiós, España!

No nos importa la Muerte!

Acabou o sonho do bi-campeonato da seleção espanhola. Hoje, o Chile mostrou que é a verdadeira seleção ROJA desta Copa do Mundo. Um verdadeiro baile, os chilenos massacraram os espanhóis por 90 minutos, 2×0 foi pouco pela disparidade ludopédica entre as equipes.

Chile dominou o meio campo, foi muito veloz e soube aproveitar os passes errados cometidos pela não tão furiosa seleção espanhola. Vargas, Aranguiz, Alexis Sanchez, Isla, Vidal, foram gigantes. Parecia que os comandados de Jorge Sampaoli, ou melhor dizendo, Jorge São Paoli, eram os atuais campeões mundiais, não o time envelhecido, cansado e amedrontado time espanhol.

Hoje, na tourada do futebol que aconteceu no Maracanã, o Chile teve uma tarde de toureiro e a España uma tarde de Touro. Eu já dizia que acreditava no Chile, que essa classificação era possível, mas não achei que seria tão fácil. Até mesmo a Austrália deu mais trabalho para os holandeses do que para os chilenos.

E o selecionado laranja não terá vida fácil contra o time Andino. O empate garante o time de Robben e Van Persie (que estará fora do jogo) a primeira colocação. Vamos ver quem possivelmente pegará o Brasil na próxima fase.

Abraços.
Caio Di Pacce.

Anúncios

Ele voltou.

Ele está de volta. Jorge “El Mago” Valdívia. O camisa 10 do Palmeiras jogou muita bola ontem, fez dois gols, deu passe, driblou, fintou, provocou… Enfim, ele foi Valdívia.

O Palmeiras enfrentou o Avaí no Pacaembu, o Palmeiras precisava vencer para se manter mais perto do G3 e, principalmente, continuar embalado, desmistificando o Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho. O clube da avenida Turiaçu fez 13 pontos em 15 disputáveis.

E hoje não foi diferente, o Avaí soube se portar no primeiro tempo, mesmo tomando um gol de Valdívia logo aos 10 minutos, e tomando uma forte pressão até os 30, conseguiu explorar os erros de passe no meio-campo palestrino e empatou o jogo em um lance de escanteio. (Gol contra de Edinho, que foi computado para Roberto)

Mas o segundo tempo foi verde, Valdívia fez mais um, belíssimo gol de fora da área, sem chance para o goleiro. Logo após, Kléber teve dois pênaltis, converteu apenas 1.

Logo após a primeira cobrança, defendida pelo goleiro, o camisa 1 do Avaí foi muito inocente e foi zombar de Kléber, dando tapinhas na cara do atacante. Resultado: Goleiro Expulso e outro penalti para o Palmeiras, dessa vez convertido.

Ainda teve tempo para Gabriel Silva mostrar a razão de ser titular na lateral esquerda, marcou o quarto gol em um lindíssimo chute de longa distância, com a perna direita. Golaço.

O Palmeiras vence, respira e ganha confiança. O time está ficando com a cara de Felipão, com Valdívia sendo destaque.

Abraços.
Caio di Pacce.

Fim da novela: Mago está de volta

O Palmeiras enfim conseguiu anunciar o chileno Valdívia. O novo detentor da camisa 10 alvi-verde. Um ídolo para a torcida, um nome de peso para a diretoria, e um ótimo jogador para Felipão trabalhar.

O Palmeiras precisava, e ainda precisa de mais elenco. Mas o Mago da uma baita ajuda para o time poder seguir no Brasileirão 2010. Ele ainda será apresentado, de acordo com o site Lancenet! Mas as palavras de Belluzzo foram:

– Foi mais uma batalha vencida.

Os outros detalhes da negociação, porém, ainda não foram revelados. Valdívia disputou 93 jogos pelo Verdão e marcou 24 gols.

Abraços.
Caio di Pacce.

Ronaldinho Gaúcho no Palestra, Mano na Seleção

A queda da família Dunga já começa a surtir efeitos no futebol como um todo. A reestruturação já começou. E elas serão significativas.

De acordo com fontes ligadas a J.Hawilla e o grupo Traffic, está fechada a vinda de Ronaldinho Gaúcho para o Palestra. O dia da apresentação não foi anunciado, mas os termos da negociação sim.

Segundo a fonte, Felipão anda conversando diretamente com os jogadores que quer para o Palmeiras. Por sua vez ,  J.Hawilla negociou diretamente com Assis, irmão-agente do craque do Milan. Ronaldinho estará com 31 anos em 2011 e será um dos reforços para a Libertadores, que é o objetivo alvi-verde no campeonato brasileiro.

Ainda de acordo com a fonte do Copeiros, “o salário será bancado pela Traffic, e os outros patrocinadores – Tim, Banif e Parmalat trarão o resto dos reforços“. Sobre a inclusão dessas marcas no manto esmeraldino, “ainda não se sabe, talvez entre somente no uniforme do Felipão“.

Assim, a vinda de Gaúcho coloca em cheque o retorno de Valdívia, que foi publicamente sondado por André Sanches na Copa do Mundo.

Já para os lados de São Jorge, fontes ligadas a Diretoria alvinegra afirmam que Mano Menezes já prepara a despedida do clube para assumir o escrete canarinho.

Essa informação vai contra o discurso de André Sanches na chegada ao Brasil, mas vai a favor do discurso de Ricardo Teixeira no “Bem, Amigos!”. O presidente da CBF insinuou no programa que o novo técnico deve ser paciente e com capacidade para lidar com jovens. Galvão Bueno especulou se a idade do comandante influenciaria, enquanto que Teixeira simplesmente respondeu: Não importa a idade, desde que ele abrace o projeto.

Agradecimentos e créditos ao Nano e ao Cadu Martins.

Foto: ronaldinhogaucho.com

Só 45 minutos

As oitavas de final para o Brasil acabaram ainda no primeiro tempo. O time chileno, apesar de esforçado, é muito ruim. Os atacantes até tem certa qualidade, mas quiseram resolver sozinhos a parada. Sozinhos e de longe, um sacrilégio a boa fase que vive o quíper Júlio César.

Valdívia entrou bem e deu mais criatividade ao time de Bielsa. No entanto, a tranquilidade do placar fez com que o Brasil jogasse mais relaxado. Tanto que, apresentando um futebol muito mediano, Robinho conseguiu fazer um belo gol e fechar o caixão chileno.

A ausência de Felipe Melo não foi sentida e pelo contrário, o Brasil foi mais ofensivo. A estória da contusão do volante parece ser um disfarce para o desgaste do jogador com a equipe e a torcida. Nesse sentido, Dunga aproveitou a folga do placar para dar cancha para Gilberto, Nilmar e Kléberson.

O destaque positivo do Brasil fica para Maicon e Lúcio. Mais uma vez, a zaga campeã da Europa mostrou seu valor e são o grande trunfo de Dunga no Mundial da África.

Foi um confronto fácil. Assim como foram as oitavas em 2002 e 2006. Agora o time brasileiro tem uma disputa real. O time da Holanda vem de vitórias consistentes e uma classificação tranquila contra a Eslováquia. Mas, sempre que encontramos a Holanda, eles que voltam pra casa.

A final dessa Copa está com cheiro de ser histórica. Se a Argentina continuar fazendo seu papel, teremos o maior  jogo de todos os tempos em 11 de Julho.

Foto: Associated Press