Barcelona x Arsenal: Um golaço e uma lambança

Ontem o Barcelona recebeu o Arsenal em casa precisando vencer com dois gols de diferença para se classificar para as quartas-de-final da UEFA Champions League, já que jogo de ida os Gunners venceram por 2×1. Mas quando o assunto é Barcelona, tudo é possível.

O jogo começou com um Barcelona implacável, tocando bola, marcando na saída de bola, com fome de jogo. Eis que Messi fez um daqueles gols que não vamos esquecer tão cedo. Um golaço, recebeu um  passe preciso de Iniesta, dominou, em um toque chapelou o goleiro e completou. Uma pintura.

No começo do segundo tempo, o Arsenal empatou o jogo em um gol contra de Busquets e começou a jogar melhor. Mas só começou, pois a lambança aconteceu: O Camp Nou é o maior estádio da Europa, quase 100 mil pagantes estavam vendo o jogo, cantando sem parar, Van Pierse recebeu o passe em impedimento, não ouviu o apito do juíz e chutou no gol, foi expulso pelo segundo amarelo.

Esse lance mudou a partida, facilitou o jogo para os blaus-grenás. Xavi fez um outro golaço numa bela triangulação espanhola com Iniesta e Villa. E Messi completou de penalti, 3×1 para os donos da casa e a vaga garantida.

Abraços.
Caio di Pacce.

Deus em forma de Pulga

Hoje, nessa tarde chuvosa de Abril, presenciamos a consagração de um mito.

A partir de hoje, o futebol vai ser diferente.

O argentino Lionel Messi, la Pulga, comandou com maestria histórica a vitória do seu time Barcelona sobre os ingleses do Arsenal.

O placar foi de 4 a 1 para os espanhóis.

Quatro gols do camisa 10.

Estamos a 65 dias da Copa do Mundo.

Seremos privilegiados.

Se já não somos.

Foto: Olé – Clarín

Quartas de final da Champions League

Foram definidas as quartas de finalda Champions League da temporada 2009/2010, bons jogos estão por vir e a última final pode se repitir:

Quartas de final:
Bayern de Munique  x Manchester e Lyon x Bordoux

Arsenal x Barcelona e Inter de Milão x CSKA Moscou

O jogo mais esperado dessas quartas de final será o encontro entre Arsenal e Barcelona, na repetição da final da Champions de 2006, vencido pelo time blau-grená com um gol do brasileiro Belletti.

Bayern de Munique e Manchester United também será um jogão, na repetição da final de 1999, quando o time inglês virou a partida em 3 minutos nos acréscimos do juíz.

Abraços.
Caio di Pacce.