Para sempre Marcão

Melhor jogador da Libertadores 1999

Melhor jogador da Libertadores 1999

Tristeza e alegria, talvez sejam essas as palavras que possam definir o sentimento não só dos torcedores palmeirenses, mas sim da nação brasileira que ama o futebol independentemente do clube que torce.

No dia 4, o agora ex-jogador de futebol, Marcos, anunciou sua aposentadoria aos 38 anos. O “Santo”, ao longo de suas entrevistas dando indícios de sua aposentadoria, resolveu mesmo pendurar as chuteiras, motivo: as famosas dores musculares.

Marcos chegou a Sociedade Esportiva Palmeiras em 92, sendo o único clube pelo qual jogou. O então goleiro passou de reserva para titular na Copa Libertadores de 99 (ano do mesmo título) depois do grande Velloso se contundir.

A partir desse ano, nunca mais voltou para o banco de reservas. Foram 530 jogos com muitas emoções, sempre com atuações brilhantes e defesas milagrosas onde apenas um santo conseguiria defender. Esse era Marcos.

Em 2002, aconteceu uma das grandes glórias na sua carreira: titular e campeão do mundo com a seleção brasileira. Se no Palmeiras ele já era ídolo, nascia ali mais um ídolo para o Brasil.

No mesmo ano, veio a prova de que Marcos nunca largaria o Palmeiras: após o término da Copa do Mundo, o time alvi-verde foi rebaixado para a série B do Campeonato Brasileiro, e se alguém achou que ele iria para o Arsenal-ING se enganou, o mesmo disse não e ajudou o time a subir para a elite no ano seguinte.

Carismático, brincalhão e sincero, “São Marcos” conquistou os corações dos rivais. Qual corintiano consegue falar mal desse cara? Mesmo ele defendendo aquele pênalti do Marcelinho Carioca nas semifinais de 2000, na Copa Libertadores. Que são-paulino, santista, flamenguista, vascaíno entre tantos torcedores de diferentes times conseguem falar mal do agora ex-goleiro? Sinceramente, nunca ouvi.

Este estudante de jornalismo que aqui vos escreve teve a oportunidade de vê-lo jogar tanto pela TV como no estádio, e com minhas sinceras palavras foi uma alegria enorme poder ver o maior ídolo do Palmeiras fazer suas brilhantes defesas.

Obrigado, Marcão, por tudo que você fez não só para os palmeirenses, mas pelo Brasil.

Advertisements

Uma resposta

  1. Grande texto em homenagem a um grande homem e atleta. Abraços, Marcos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: