Presente do Palmeiras à torcida: 2×1 de virada!

Palmeiras e Corinthians se enfrentaram na rodada dos clássicos que terminou com o primeiro turno do Brasileirão 2011. O time do Corinthians precisava de um empate para sair para sair com a taça de campeão do primeiro turno. O Palmeiras vinha de uma eliminação, porém com uma bela exibição contra o Vasco na quinta-feira. Além disso queria comemorar seus 97 anos completos na sexta-feira.

Com muito calor em Presidente Prudente, o Palmeiras vestiu branco e mandou o Corinthians vestir preto, catimba alvi-verde ainda mesmo antes do jogo. Porém, foi o Corinthians que começou melhor. O Palmeiras perdia muito a bola no meio e não tinha referência na frente, com isso o Timão roubava a bola e na movimentação criava perigo para a meta de Marcos.

Em uma dessas jogadas, Emerson abriu o placar e comemorou imitando Anderson Silva, o maior craque do Corinthians.

Vendo isso das tribunas, Felipão mexeu no time, tirou o inoperante Patrik e colocou o gigante Fernandão, estreando com a camisa alvi-verde. Com a referência na frente, o Palmeiras mantinha a posse da bola. Em (mais) uma bola parada de Marcos Assunção, Luan aproveitou a saída errada de Júlio César.

Na segunda etapa o Palmeiras mostrou mais pulmão, principalmente Luan, que não tem muita técnica, mas possui muita vontade, empenho e noção tática, foi um monstro nos desarmes e auxiliou a criação das jogadas. Kléber mais fora da área, participava junto com Valdívia na criação, que deixava os volantes corinthianos preocupados, tirando a velocidade do time de Pq. São Jorge.

Em uma dessas bolas trabalhadas, Marcos Assunção mostrou que é muito importante para o time verde, lançou em profundidade Fernandão, que dominou no peito, tocou sem deixar pingar para o fundo das redes, dando números finais a partida. Jogador que estreou no clássico e decidiu a partida.

O time do Corinthians bem que tentou, Tite mexeu na equipe, mas a defesa palestrina estava impecável, tanto por cima, quanto por baixo, todas os rebotes eram alvi-verde. Luan e Valdívia tiveram a chance de matar o jogo, mas perderam. E Marcos salvou no final do jogo o chute de Liedson, a única chance do atacante corinthiano.

Palmeiras venceu, encostou no G5, e o Corinthians, com os resultados de Flamengo e São Paulo, manteve a liderança e o título do primeiro turno. Mas a torcida palestrina saiu de alma lavada com um presente de aniversário.

Abraços.
Caio di Pacce.

Anúncios

Uma resposta

  1. Este Palmeiras sempre tem crescido em clássicos e começa a montar um esqueleto para o que pode ser um time bem forte em duas temporadas. Que a diretoria não estrague tudo…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: