Post Colaborativo | Crepúsculo de um tirano

Assim como a queda da Bastilha foi o resultado de um processo longo e doloroso para o povo francês, a queda de Ricardo Teixeira parece ganhar novas cores. O cansaço com o achincalhe e despeito do dirigente da CBF atingiu os seus limites. Seus despautérios bateram nos iletrados, nos apaixonados e nos bravos torcedores brasileiros. E contra o povo, não há quem possa.

Se há algumas semanas a manifestação contra Ricardo Teixeira reuniu 300 pessoas na Avenida Paulista, agora algo muito maior está programado. E o melhor, será na rodada nobre do futebol nacional. As torcidas organizadas de diversos clubes estão preparando manifestações nos estádios, na última rodada do primeiro turno do Brasileirão. Justamente na jornada que reunirá os super clássicos regionais: Palmeiras x Corinthians, Flamengo x Vasco, Grêmio x Inter, Atlético x Cruzeiro e por aí vai.

Mesmo que as torcidas organizadas sejam em grande parte um ventre de crimes e violência, trata-se de uma atitude grandiosa e emergencial. Ricardo Teixeira vem perdendo apoio político, prestígio internacional e espaço na mídia de massa. Dilma Rousseff desvinculou com habilidade a figura do cartola da Copa de 2014. Joseph Blatter e a corja da Fifa também busca se afastar da figura do dirigente. Por fim, em uma audácia meritosa mesmo que oportunista, a Rede Globo começou a expôr os escândalos em que Teixeira está envolvido. Literalmente, não há para onde correr.

- Será que eu caio?

Assim como os povos bárbaros derrubaram o Império Romanos, as Organizadas tentam desmascarar Ricardo Teixeira, mas a verdade é que ele está perdendo seus pilares um de cada vez. Ele conseguiu criar uma barreira entre o torcedor comum e a sua seleção. Sua extrema arrogância de se achar inatingível pelas autoridades e pela população podem custar caro. Al Cappone caiu nos EUA, a Máfia siciliana também foi presa, nenhum império é eterno, a história nos ensinou isso.

A Globo já derrubou presidente, ela seria capaz de te derrubar Sr. Teixeira.

Abraços dos copeiros,
Caio di Pacce, Flaco Marques e Tércio Silveira
(Post escrito à seis mãos)


Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: