Isso aqui é um pouquinho de América Latina

As altas cifras continuarão a rolar. Os exageros nos contratos e na exposição da mídia não se amenizarão. Hoje, porém, o futebol por si só, mostrou que é muito mais que isso.

Cadê a bola? Por que o dinheiro está no meu bolso.

O baque foi tão grande que até os mestres da dissimulação na Rede Globo se renderam. Galvão muito mais que Casagrande, criticaram de forma pouco costumaz a Seleção Brasileira. Comentaram sobre os assessores de imagens, utlizando até a expressão “jogando para o telão”. Assombroso.

Robinho, quem diria, foi o único que jogou contra o Paraguai. Chamou a responsabilidade e foi voluntarioso em campo. Ao final, enquanto os novos ricos do futebol moderno ignoravam as câmeras, Robinho, que gosta muito delas, resolveu falar. Nada demais, mas falou.

Não há o que criticar no trabalho de Mano Menezes. Ele está fazendo certinho, tudo que a Rede Globo e a CBF esperam que ele faça: convocar as futuras gerações e manter os medalhões. Não cabe aqui, criticar um ou outro jogador. Eles só buscam fazer seu pé-de-meia.

Agora, cabe à Copa América continuar mostrando que nosso continente continua ser uma fonte de talentos. E do mais puro e verdadeiro futebol.

.

Anúncios

Uma resposta

  1. Belíssimo texto mestre, mais uma vez.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: