Indo contra a maré.

Podia falar do empate fraco do Santos na estréia do Muricy, ou da derrota do Corinthians, com uma bela homenagem em sua camisa, da goleada do SPFC, ou do clássico carioca. Mas não, hoje eu resolvi falar sobre algo diferente.

Domingo eu fui à Rua Javari. Fui ver o Juve, que precisava ganhar do Taboão da Serra e torcer para o tropeço do Flamengo de Guarulhos e do centenário Velo Clube de Rio Claro. A Mooca estava em peso no estádio.

O time do Juventus venceu por 1×0, com um gol chorado do bom atacante Celsinho. Mas o mais legal da partida foi a torcida. Os poucos malucos não pararam de cantar e tocar seus bumbos insanamente, mesmo sabendo que a vitória no campo estava sendo em vão.

Nem mesmo após o gol de Celsinho, quando alguns torcedores jogaram imagens de Santo Expedito, o milagreiro, a vaga veio para Mooca, tanto o time de Guarulhos como o de Rio Claro venceram, e se classificaram.

Torcer para o Juventus é meio que andar contra a maré, hoje em dia você vê torcedor vibrando, porque seu time acertou por mais grana com a Globo, ve torcedor falando de Departamento de Marketing e de patrocínio, de contratos de jogadores. Alguns esqueceram a origem do futebol, de onde ele veio, e como ele deveria seguir.

.. I can´t go with the flow!

Esses poucos malucos da Mooca andam para todo lado, para ver o Juve. Por simplesmente vontade de vê-lo jogar. E, cantam mais forte quando o placar é adverso, ou quando a classificação sai pelos dedos.

Parabéns à torcida juventina, que deu mais uma aula nesse domingo do que é o verdadeiro futebol. Segue o vídeo produzido por Guiza, do Blog do Juva.

Abraços.
Caio di Pacce.

Anúncios

4 Respostas

  1. Juventus sempre foi e sempre será símbolo de paixão! Meu segundo time de coração!

  2. Caio, ontem eu vi uma coisa de arrepiar, fiquei até meio emocionado. Algumas horas após o jogo, um temporal caiu sobre a Mooca e todos os torcedores que continuavam tomando sua cerveja no cebola, foram obrigados a correr e se apertar dentro do bar.
    E foi ai que eu vi a festa mais louca, mesmo eliminaos os torcedores pegaram a murga e cataram em altíssimo volume os canticos juventinos. FOI DE ARREPIAR

  3. “Na Moóca ou na Barra Funda sou Juve ou nada.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: