A escória, o lixo

Hoje foi o terceiro dia de protestos no Corínthians. Seja no CT ou no clube, a barbárie está instalada desde a precoce eliminação da equipe na Libertadores. 

Dentro dessa lógica tupiniquim imbecil de que o futebol é mais importante do que a política, os protestos já eram esperados, mas já estão tomando proporções inaceitáveis.

São, até hoje, quinto dia de fevereiro, três dias de confronto. Já teve de tudo: emboscada ainda na Colômbia, pichações no muro, recepção hostil no aeroporto, ataque ao ônibus alvinegro. A imprensa também foi agredida. Bandidos encapuzados invadiram o CT corintiano armados com metralhadoras! É este o tipo de “gente” com quem essa corja se relaciona?

É evidente que foi de dentro da gangue uniformizada que saiu a ordem. Não vandalizaram as dependências do CT Joaquim Grava, sequer deram um tiro. O armamento pesado era para intimidar. E os carros que estavam lá, estes não foram poupados.

Não sou hipócrita a ponto de não entender que derrotas como a de Ibagué causem revolta, mas não sou idiota para aceitar que policiais e até a tropa de choque sejam deslocados do seu trabalho nas ruas para evitar que esse lixo de gente mate alguém. É o dinheiro dos meus – e dos seus – impostos que está sendo usado.

Por que estes mesmos cretinos não têm o mesmo afã para protestar contra o aumento da tarifa de ônibus? O novo presidente da Câmara defendeu um salário maior para o legislativo, logo após os próprios deputados aumentarem seus salários em mais de 60%, causando efeito cascata em outros cargos, e eles fizeram o quê? Sequer se incomodaram.

Futebol é entretenimento, nada mais do que isso. É por causa desse tipo de pensamento desprovido de bom senso que o país está como está, entregue a grupelhos políticos que se mantém às custas desta inversão de valores.

Esta horda representa o que há de pior no ser humano: são violentos, vis e burros. Ao contrário do que dizem as manchetes, não são torcedores, são bandidos, são escória, são lixo, e devem ser tratados como tal.

Advertisements

3 Respostas

  1. Uma ode a Marquinhos Portugal!
    Que texto!

    Concordo plenamente. Enquanto os carros dos roupeiros, massagistas do corinthians eram depredados, os deputados, vereadores (a verdadeira escória do Brasil) anda por aí livremente, sem medo de ter eus pertences depredados.

    #vergonha.

    • Valeu, mestre Caio! Obrogado pelo elogio. Cara, tô de saco cheio dessa babaquice. Tinha que descer a borracha sem dó nessa “gente”.

  2. Excelente matéria!
    Acho que o ponto de partida seria a criminalização de torcidas organizadas, pois é daí que parte esse tipo de atitude.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: