Talento, gola alta e o despreparo.

Não é de hoje que a molecagem dos garotos do Santos vem aparecendo nos jornais por suas atitudes extra campo. Dessa vez, em uma sessão de TwitCam (sessão compartilhada de WebCam) as brincadeiras dos garotos da Vila, mais uma vez, foram longe demais.

Dentre outras molecagens virtuais dos santistas, cito a do Goleiro (hoje reserva) Felipe: Quando criticado por um torcedor, o jogador respondou-o dizendo que o dinheiro que ele gastava com a comida para seu cachorro era maior que o salário mensal do torcedor internauta.

Esse tipo de atitude não é exclusividade do time da baixada, aliás ela se torna comum em vários clubes do Brasil e da Europa. Ela revela o despreparo do jogador brasileiro como homem. Como essa pujante ascensão social está sendo mal interpretada, e como eles não estão correspondendo ao seu papel de ídolo.

Isso é extremamente correlacionado ao fato desses garotos serem largados durante sua formação como jogadores. Meninos de 12 aos 18 anos sem nenhum tipo de ensino escolar, que vivem em campo de treinamento e longe dos livros.

A vida de um jogador, mesmo que seja de um futuro jogador, deve ser mesmo dentro do campo, com a bola sob seus pés. Porém, os livros e a caneta não podem ser esquecidos, principalmente para esses garotos, que em muitos dos casos não tem uma estrutura familiar descente, que possa transmitir todos os valores de conduta ética e cívil de uma sociedade.

Sem esse tipo de ensino, é cada vez mais comum entrevistas vazias como a feita com o Neymar, na qual ele não sabia quem era os principais candidatos à Presidência. Ou casos de doping de cocaína, como o de Jobson do Botafogo. Entre outras.

Enquanto isso, na bat-caverna da CBF, Ricardo Teixeira e seus comparças só pensam em estádios novos para a Copa de 2014.

Abraços.
Caio di Pacce.

Anúncios

6 Respostas

  1. Se a molecagem foi do goleiro RESERVA pq colocar a foto do Neymar ?

    E essa molecagem não foi dos meninos da Vila originais. Foram de jogadores reservas. Aliás, os meninos originais chamaram a atenção deles para a bobagem que estavam fazendo.

  2. Eu to falando dos jogadores do Brasil de uma forma geral. Essa molecagem foi em ESPECÍFICO do Felipe.

    Mas eu falei de várias outras molecagens, despreparos, como o fato dele não saber quem é José Serra ou Dilma.

  3. Ah, mas tem um monte de brasileiro que não sabe quem é Serra ou Dilma. Ele é só mais um.

  4. Um brasileiro não conhecer os candidatos a presidencia é preocupante, uma vez que ele fará esta escolha em alguns meses. E o Neymar não é mais um, no sentido que é um exemplo, um idolo, como colocou o Caio.

  5. Essa é a crítica do Post.
    O despreparo dos jogadores.
    Eles são ídolos, representam o clube, que movem nações.

    É uma questão de exemplo a ser seguindo.
    A crítica não é ao Neymar, mas sim a esse tipo de jogadores. O Neymar é um deles.

  6. Nâo podemos esquecer que os ídolos viram exemplos e que exemplos os nossos ídolos do futebol estão dando ultimamente ????
    Envolvimento com crimes, drogas, despreparo social e político. Esses garotos precisam de mentores, pessoas que possam fazê-los melhor como seres humanos, para que de fato sejam admirados e imitados por seus fãs.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: