Quem precisa de Boca e River?

Enquanto os holofotes no Brasil se voltam para o “futebol bonito” e as palhaçadas de Robinho e Cia, algo de mais importante ocorre nos campos da América do Sul. Na noite de ontem, jogando em casa, o Vélez Sarsfield bateu os chilenos do Colo Colo por 2 a 1, e chegou aos 10 pontos ganhos na Copa Libertadores – atingindo a maior pontuação do campeonato, até aqui. Claro que existem muitas equipes com um jogo a menos, entre elas brasileiros como o Corinthians, mas é inegável o mérito dos argentinos de alijar o sempre badalado Cruzeiro ao posto de mero coadjuvante no Grupo 7 da competição.

O time de Buenos Aires se coloca como um dos principais favoritos ao título da Libertadores, mostrando, mais uma vez, a ignorância daqueles que condicionavam um suposto “caminho mais fácil” para os brasileiros, graças à ausência de Boca Juniors e River Plate. Claro que a segunda fase do maior campeonato da América do Sul pode nos mostrar uma realidade diferente, e o Vélez não conseguir chegar nem a uma semi-final que seja. Mas lembremos que ninguém acreditava na aguerrida equipe do Estudiantes no ano passado. É preciso mais respeito e conhecimento sobre o futebol sul-americano.

Anúncios

Uma resposta

  1. Foi um jogão esse.
    Realmente o Veléz está representando, num grupo mto difícil!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: