A “inocência” do presidente

Manuel da Conceição Ferreira é um bem-sucedido empresário do setor imobiliário. Também é advogado. Atualmente, responde pela presidência da Portuguesa de Desportos, estando no seu segundo mandato, tendo que passar o bastão ao seu sucessor no final deste.

Quando assumiu a Lusa, Mané da Lupa, como é conhecido, encontrou um clube à beira da falência, afundado em processos trabalhistas. Não haviam jogadores, alguns dos bens do clube estavam penhorados (até as bombas das piscinas estavam). Com a ajuda de algumas pessoas, entre elas o Luís Yaúca, reergueu a Lusa. No início da gestão, caiu no Paulistão, mas voltou no ano seguinte, não só no Paulista como no Brasileiro, no qual caiu novamente, um ano depois.

Percebe-se pois, que, de ingênuo, Mané não tem nada. Eu até o tinha em alta conta. Agora, os últimos acontecimentos envolvendo a figura do presidente forçam-me a rever meus conceitos. Desde aquela acusação de suborno ao becão da Ponte, no Paulistão do ano passado, passando pelas bravatas ditas no caso Bruno Cazarine, quando garantiu que a Lusa disputaria a série A, da Lupa tem metido os pés pelas mãos. Sua tentativas desesperadas de garantir os direitos do clube passaram todos os limites. Em vez disso, expôs o clube ao ridículo.

Agora nosso Mané da Lupa se superou. Foi reclamar, com o colega corinthiano Andres Sanchez, o não cumprimento de um “acordo de cavalheiros” firmado entre eles quando da ida no meia Edno para o Alvinegro. Ao invés de fazer constar no contrato uma cláusula condicionando a utilização do atleta mediante pagamento de multa, deixou apenas na camaradagem. Pior que isso. Foi à imprensa espernear, mas satisfez-se com o pedido público de desculpas do corinthiano, que alegou problemas no elenco para a escalação do jogador. Onde está escrito “problemas no elenco”, leia-se “liberação de parte do grupo”.
É como se admitisse o seguinte: “Ele me fez de besta, mas pediu desculpas, então tá tudo certo.” Como assim? Será que o dr. Manuel gere assim sua imobiliária? Será que ele substitui os contratos por apertos de mão, mesmo que esses sejam trocados com a concorrência? Duvido, com todas as minhas forças.
Manuel da Lupa tem seus méritos. Como já disse, herdou um clube falido, mas irá entregá-lo sem que este possa andar com as próprias pernas. Além do mais, creio ser difícil haver a mesma unidade entre as “forças” políticas do clube que possibilitaram sua reeleição.
De inocente, reitero, da Lupa não tem nada. Prefiro acreditar em desleixo, pra não dizer outra coisa…
Anúncios

4 Respostas

  1. Eeeeeeeee LUSA…ta louco viu. E ainda devem muita grana para o juventus referente à venda do Alex Alves.
    Burros e Caloteiros

    • Pelo comentário do Guizão, o Juventus está bem pra caramba. Além do mais, amigo, ter dívidas não é privilégio da Portuguesa. TODOS os clubes do Brasil as tem. Sobre sermos burros,a diferena entre os burros e os portugueses é que os portugueses nascem somente em Portugal; já os burros nascem em qualquer lugar do mundo, inclusive no Brasil. Respeito cabe em todo lugar, inclusive aqui.

  2. Complicado caro Marquin.
    Da Lupa foi realmente inocente, esse tipo de atitudes dá margens à essas piadas sobre a Lusa.

    Mas msm assim Lusa na primeira divisão em 2011

  3. Gostei do cachorrinho.
    Haha

    Abs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: