O que falta para sermos grandes de fato?

lusa4Essa semana a Associação Portuguesa de Desportos completou 89 anos. Os títulos de maior expressão da Lusa são três paulistas (1935,36 e 1973) e duas Taças Rio-São Paulo (1952-55). Entre seus maiores ídolos estão Djalma Santos, Enéas, Servílio, Zé Maria, Julinho Botelho e é claro, Dener.

Trata-se de um time querido por todos os paulistanos. Quando se fala da Lusa, parece que a relação torcedor-clube fica mais estreita e vai além do esporte propriamente. É um clube capaz de gerar identificação e admiração imediata, não só para os descendentes (como eu), mas para todos amantes do bom futebol.

No entanto, a cartolagem da Lusa não sabe lidar com esse carinho. Enraizada em uma cultura feudal, os dirigentes patinam para emplacar boas políticas que engatem de vez o nome do clube no futebol nacional. Um taxista, torcedor da Fabulosa, me disse: não adianta modernizar o futebol, se os dirigentes continuam amadores.

E é aí que está o mal de todo futebol moderno. Sou a favor de mudanças e de evolução, mas que ela seja feita em nome do desenvolvimento do esporte e não do negócio. E é isso que acontece no Brasil e no mundo.

A Lusa está com um técnico novo. Ele já enfrentou o primeiro revés. Trata-se de um comandante bom, especialmente para as necessidades do time. Espero que a torcida tenha paciência e que a diretoria deixe o trabalho de René Simões se desenvolver. Marquinhos Portugal, pelo blog da Lusa, aponta sabiamente:

Mas a “torcida” da Portuguesa é diferente das demais: não comparece, cobra demais sem dar nada em troca, julga ser suficiente ficarem duas, talvez três centenas de moleques mimados apurrinhando atrás da baliza. Acham ter o melhor time, disparado, quando não tem. Por isso, exigem o fino do futebol de um time que não tem qualidade para tal, num campeonato que não tem essa característica.

Agora a questão é saber quem será o próximo treinador. Já surgiram nomes como Geninho, Jorginho, Vagner Mancini e até Parreira. mas poderia ser qualquer um. Guus Hiddink, José Mourinho ou Roberval Davino. Quem quer que seja, na primeira derrota, pedirão sua cabeça. E os tremoços continuarão a ser uma especialidade nossa.”

Espero que nos próximos 89 anos surjam mais Djalmas e Deners para o nosso deleite! Parabéns Leões.

Anúncios

3 Respostas

  1. Não sei o que está acontecendo com a Lusa nessas últimas rodadas.
    É, com clareza, o melhor elenco da série B, tem a maior folha de pagamento, e não está se acertando.
    Tem muito campeonato pela frente, ainda pode voltar para a série A.
    A torcida tem que apoiar e a diretoria se profissionalizar.
    Abraços.
    Caio Di Pacce

  2. Fico extremamente grato pela citação de minhas humildes linhas nesse blogue tão bem feito e com excelente conteúdo. Fiquem à vontade para mais visitas.

    Parabéns pelo trabalho e (tomara) dá-lhe Lusa. E dá-lhe Copeiros!!!!!!

  3. Em tempo: segue o link do meu blogue, caso queiram dar uma passada por lá:
    http://marquinhosportugal.blogspot.com/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: